• perda de apetite;
  • vômito;
  • diarreia;
  • dificuldade para urinar/defecar;
  • apatia;
  • tosse;
  • aumento de volume, inchaço nas patas;
  • aumento de volume na garganta/pescoço;
  • nódulos pelo corpo;
  • tosse, cansaço fácil;
  • sangramento inexplicável;
  • claudicação persistente;
  • odor desagradável;
  • feridas sem causa aparente ou que não cicatrizam.

 

 

O diagnóstico precoce faz toda diferença!