• Obesidade: o ganho excessivo de peso favorece a ocorrência de tumores, além do risco de diabetes e doenças cardíacas.
  • Anticoncepcionais: conhecidos como ''vacina'' para evitar crias indesejáveis, seu uso aumenta muito o risco de câncer de mama.
  • TVT: evite que animais domiciliados saiam sozinhos e acasalem com animais de rua. O contato sexual favorece o aparecimento do Tumor Venéreo Transmissível (TVT).
  • Evite que seu animal tenha contato com substâncias químicas e tóxicas.
  • Castre as fêmeas precocemente. Além de evitar crias indesejadas, reduz para menos de 1% a chance de desenvolver tumor de mama. Consulte o médico veterinário.
  • Evite exposição solar prolongada do animal entre às 10 e 16h. Forneça abrigo com sombra.
  • Leve periodicamente os animais ao médico veterinário para vermifugação e vacinação. A prevenção permite que o sistema imunológico se fortaleça.
  • Faça atividades físicas diariamente com seu animal. Isso diminui o estresse, melhora a qualidade de vida e, de quebra, você também se exercita.

 

 

O Diagnóstico precoce faz toda diferença e pode mudar a vida do seu pet!